Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdta.ufra.edu.br/jspui/handle/123456789/1414
Title: Variabilidade espacial de parâmetros físicos do solo sob pastagem em sistema de produção de bubalinos: impactos na produtividade do capim mombaça
Advisor: MARIANO, Daiane de Cinque
Authors: SANTOS, Crissogno Mesquita dos
Keywords: Pastagem - Sistema de produção - Bubalino
Forragem
Capim mombaça
Solo
Issue Date: 2019
Publisher: UFRA/Campus Parauapebas
Citation: SANTOS, Crissogno Mesquita dos. Variabilidade espacial de parâmetros físicos do solo sob pastagem em sistema de produção de bubalinos: impactos na produtividade de capim mombaça. Orientadora: Daiane de Cinque Mariano. 2019. 51 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia) - Universidade Federal Rural da Amazônia, Campus de Parauapebas, 2019.
Resumo: A degradação de pastagens altera as propriedades físicas do solo, advinda sobretudo pela compactação originada pelo pisoteio animal durante o pastejo. O objetivo deste estudo foi utilizar a geoestatística para avaliação dos atributos físicos do solo e da pastagem de Panicum maximum cv. Mombaça cultivada em Argissolo Vermelho-Amarelo. As coletas das plantas e do solo foram realizadas em malha de amostragem regular com distâncias de 10 x 10 m em área de 3,43 ha. Os atributos do solo foram avaliados até a profundidade de 0,40 m, subdividida em quatro camadas de 0,10 m. A resistência do solo à penetração (RP), umidade gravimétrica do solo (UG%), produção de massa seca, altura e densidade populacional de perfilhos da pastagem foram submetidas às análises de estatística descritiva, ao estudo geoestatístico e interpolação por krigagem ordinária. Para a RP e UG% foi realizada ainda a comparação de médias entre as camadas do solo pelo teste de Tukey ao nível de 5% de significância. Os resultados mostraram diferença estatística entre as médias das camadas de solo, indicando uma variabilidade espacial ao longo do perfil do solo, comprovada pelo mapeamento dos atributos do solo. Verificou-se que todos os atributos do solo e da planta apresentaram estrutura de dependência espacial, com grau de dependência variando entre forte e moderado, com alcances entre 14,10 m (RP, 0,30- 0,40 m) e 567,60 m (RP, 0,00-0,10 m). A maioria dos atributos do solo e da planta ajustou-se ao modelo exponencial, excetuando-se o atributo UG% nas camadas de 0,00-0,10 m e 0,30- 0,40 m que exibiram modelo esférico; e a camada de 0,20-0,30 que se adequou ao modelo linear com patamar. A RP do solo se apresentou mais crítica na camada de 0,10-0,20 m, evidenciando zonas com possível restrição ao crescimento das plantas, porém, os resultados geoestatísticos indicaram que as condições físicas do solo não foram restritivas ao desenvolvimento da pastagem, permitindo inferir que o pastejo do capim Mombaça pelos bubalinos não causou sérios danos na estrutura física do solo.
Abstract: Pasture degradation changes as physical properties of the soil, mainly by compaction caused by animal trampling during grazing. The aim of this study was to use geostatistics to evaluate the physical attributes of Panicum maximum cv. Mombaça grown in Red-Yellow Ultisol. Plant and soil samples were taken from a regular sampling mesh with distances of 10 x 10 m in an area of 3.43 ha. Soil attributes were evaluated to a depth of 0.40 m, subdivided into four 0.10 m layers. Soil resistance to penetration (RP), soil gravimetric humidity (UG%), dry matter yield, height and population density of pasture tillers were submitted to descriptive statistics analysis, geostatistical study and ordinary kriging interpolation. For RP and UG% was still accomplished the comparison of averages among the layers of the soil by the test of Turkey in the level of 5% of significance. The results showed a statistical difference between the soil layers averages, indicating a spatial variability along the soil profile, confirmed by the mapping of the soil attributes. All soil and plant attributes showed spatial dependence structure, with a degree of dependence ranging from strong to moderate, with ranges between 14.10 m (PR, 0.30-0.40 m) and 567.60 m (RP, 0.00-0.10 m). Most of the soil and plant attributes fit the exponential model, except for the UG% attribute in the 0.00-0.10 m and 0.30-0.40 m layers that exhibited a spherical model; and the 0.20-0.30 layer that fit the linear model with plateau. The soil RP was more critical in the 0.10-0.20 m layer, showing zones with possible restriction to plant growth, however, the geostatistical results indicated that soil physical conditions were not restrictive to pasture development, it allows to infer that the grazing of Mombaça grass by buffaloes did not cause serious damage to the physical structure of the soil.
URI: http://bdta.ufra.edu.br/jspui//handle/123456789/1414
Appears in Collections:TCC - Parauapebas - Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VARIABILIDADE ESPACIAL DE PARÂMETROS.pdf1,79 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons