Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdta.ufra.edu.br/jspui/handle/123456789/2207
Title: Caracterização da pesca do camarão-rosa farfantepenaeus subtilis (Pérez farfante, 1967), na costa norte do Brasil
Advisor: ASANO FILHO, Mutsuo
Authors: DIAS, Valdemar da Silva
Keywords: Camarão-rosa Farfantepenaeus subtilis (Pérez Farfante, 1967) - Pesca
Puçá-de-arrasto - Método de captura
Camarão-rosa - Caracterização
Pesca - Costa Norte do Brasil
Juvenis de Camarão-rosa
Issue Date: 2006-01-27
Publisher: UFRA/Campus Belém
Citation: DIAS, Valdemar da Silva. Caracterização da pesca do camarão-rosa farfantepenaeus subtilis (Pérez farfante, 1967), na costa norte do Brasil. Orientador: Mutsuo Asano Filho. 2006. 54 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Pesca) – Universidade Federal Rural da Amazônia, Campus Belém, PA, 2006.
Resumo: O camarão-rosa Farfantepenaeus subtilis (Pérez Farfante, 1967) é explorado na região norte do Brasil pela pesca artesanal ou de pequena escala e pela pesca industrial, a primeira é realizada vos estuários, reentrâncias e águas rasas próximas à costa, emprega diversas artes e métodos de captura como o puçá-de-arrasto, o puçá-de-muruada, a tarrafa e o matapi. Nessas pescarias ocorrem principalmente juvenis de camarão-rosa & subrilis (Pérez Farfante, 1967), o camarão branco Litopenaeus schimiti, o camarão-sete-barbas Xiphopenaues kroyeri e o camarão canela Macrobrachium amazonicum. Apesar da área Brasil-Guianas ter seus recursos pesqueiros explotados desde 1959 somente a partir de 1969, empresas brasileiras sediadas em Belém-Pa, passaram a se dedicar à explotação do camarão-rosa, inicialmente com 5 embarcações. Com o fim dos acordos de pesca em 1977, crescimento da frota nacional e a absorção da tecnologia de captura, a pesca na região passou a ser exercida apenas por empresas brasileiras, a partir de 1922, a frota passou a ser composta inteiramente por barcos nacionais. Devido à importância econômica da atividade camaroneira para o estado do Pará, o objetivo deste estudo consistiu em caracterizar a pesca industrial de camarão-rosa na costa norte do Brasil: Os dados foram obtidos durante um cruzeiro de pescaria comercial, utilizando rede de arrasto de fundo tipo Sif” para camarão, realizado a bordo do barco de pesca Magary 67, Que opera na frota camaroneira da costa norte do Brasil, no período de 16 de julho a 22 de Agosto de 2006. A embarcação utilizada apresenta casco de ferro, 19 m de comprimento total, boca moldada 5,5 m, potência do motor principal 365 Hp, câmara frigorífica no porão com capacidade para 71 m³. Para pesca e navegação, a embarcação está dotada de um navegador (G.P.S), uma ecossonda colorida, um rádio VHF e um rádio SSB. A área investigada está compreendida entre as latitudes 02º 23452” N e 04'05' 981"N e as longitudes 48º36’148” W e 50’ 30’118”W, com arrastos realizados em estratos de profundidades entre 48,6 m e 77,3 m. Neste estudo foram realizados 170 arrastos e se obteve, uma produção estimada de 7.819 kg de camarão inteiro e 2.420 kg de camarão “quebrado”, o que corresponde a uma produção total estimada de 10.622 kg de camarão-rosa em 35 dias efetivos de pesca. O camarão-rosa F. subtilis, foi a espécie que apresentou maior frequência, ocorrendo em 100% dos arrastos, seguido do X. kroyeri e o F. brasiliensis, sendo que o último correu apenas em 2 lances, observando-se a presença de apenas 06 exemplares, dos quais todos eram fêmeas.
Abstract: The pink shrimp Farfante, subitis (Pérez Farfante, 1967) is explored in the north of Brazil for Artsanal fishery or smal-scale fishery and industrial fisheries, the first one is carried through in the estuaries, reentrances and next flat waters to the coast, use diverse arts and melhods of capture as puçá-de-arrasto, puçá-de-muruada, tarrafa and the matapi. In these you would fish occur mainty youthful of pink shrimp F. subtilis (Pérez Farfanre, 1967), the white shrimp Litopenaues, schimiti, the Xiphopenaues shrimp-seven-beards. kroyeri and the cinnamon Macrobrachium amazonicum. Although the Brazil-Guianas area to have its resourees fishing explored since 1959, only from 1969, headquartered Brazilian compenies in Belêm-Pará, had passed if to dedicate to the exploration of the pink shrimp, initially with 5 boats. With the end of the agreements of it fishes in 1977, growth of the national fleet and the absorption of the capture technology, fishes it in ihe region passed to be exerted only by Brazilian companies, from 1922, the fleet entirely started to be. composed for national boats. Doe to econamic importance of the Shrimp Trawling Activities for he state of Pará, the objectíve of this study consisted of characterizing the Pink Shrimp industrial fisheries in the coast north of Brazil. The data had been gotten during a cruise of would fish advertising, using net of drag of deep type “jib” for shrimp, carried. through on board the boat of fish Maguary 67, fleet it operates in the Shrimp Trawling Nlect of the coast norih of Brazil, in the period of 16 of July the 22 f August of 2006. The used boat presents iron sckull, 19 m of total length, molded mouth 5,5 m, power of main engine 365 Hp, refrigerating chamber in the bilge with capacity for 71m3. For it fishery and navigation, the boat is endowed with a navigator (G.P.S), one colorful Echo sounder, a radio VHF and a radio SSB. The investigated area understood between latítudes 02º 23452’’ N and 04 05 981 N the longitudes 4836148 W 50 30'11 W with Trawling Fishery carried through in stratus of depths between 48,6 m and 77,3 m. In this study 170 Trawlings it got, an steem production of 7.819 Kg of entire shrimp and 2,420 kg of “broken” shrimp, what corresponds to an steem total production of 10.622 kg of pink shrimp in 35 days effective of fishes. Pink shrimp, F. subtilis, was the species that greater presented frequency, occurring in 100% of the trawlings, followed of the brasiliensis X kroyeri and the F., however the last one ran only in 2 Iaunches, observing it presence of only 06 units, of which all were female.
URI: bdta.ufra.edu.br/jspui//handle/123456789/2207
Appears in Collections:Relatório de Estágio Supervisionado Obrigatório - ISARH - Engenharia de Pesca



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons